Faça Aqui Sua Aposta

SIGA NOSSO BLOG NO TWITTER

CONTATO: narotadasnoticias@hotmail.com
SEJAM BEM VINDO....

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Romeiros movimentam Juazeiro do Norte nas férias

Juazeiro do Norte. Com as festividades de Natal, Folia de Reis e férias, nos meses de dezembro e janeiro, muitos fiéis visitam este município no Cariri cearense, mesmo fora do período oficial das romarias. Nesta alta estação, milhares de pessoas se espalham pela cidade, movimentando a economia e colorindo as ruas.
Não dá para ter uma estimativa exata, mas só o Estacionamento dos Romeiros recebe, nesta semana, mais de 50 ônibus, além daqueles que ficam pelas ruas. Enquanto mais de mil pessoas passam pelo Memorial Padre Cícero, diariamente
.
"É tempo de romaria permanente", garante o padre Cícero José da Silva, pároco da Basílica de Nossa Senhora das Dores, em Juazeiro do Norte.

"Você percebe que a cidade de Juazeiro está cheia de romeiros. Não dá mais para dizer que é um tempo só. É graças a esse fenômeno, das romarias, daquilo que chamamos de reconciliação histórica", acrescenta o sacerdote. Assim, muitos romeiros aproveitam as férias do trabalho e escolares de seus filhos,
além do acréscimo na renda com o 13º salário e visitam a "Capital da Fé" numa época mais tranquila. Normalmente, ficando uma semana na cidade.

Compras

Para o aposentado José Olímpio Alves, que veio de Timbaúba (Pernambuco) 30 vezes, as pessoas juntam dinheiro e aproveitam os ônibus fretados para virem fazer compras em Juazeiro. "Em janeiro, pega férias, tem um trocado e a gente vem gastar. Mas visito outras cidades. É um tempo bom de a gente vir andar, porque não vem uma pessoa só".


Enquanto isso, o pedreiro Josivaldo Thomás, de Serra Redonda (Paraíba), vê esse período como o ideal para trazer sua esposa e seus dois filhos. Eles se unem aos passageiros de seis ônibus que partem do sertão paraibano para Juazeiro do Norte. "Venho há 20 anos. Todo ano, quando vai chegando em novembro, já começa a se preocupar em vir para Juazeiro. Nós nos organizamos para isso, se preparando durante o ano".

Além disso, a viagem em janeiro, para a aposentada Maria das Dores da Silva, natural de União dos Palmares (AL), é economicamente mais viável.

"Se o romeiro pudesse, toda semana estava aqui. O preço para vir é caro nas romarias. Agora, a viagem deu 50 pessoas, R$ 5 mil, R$ 100 pra cada. O rancho que era R$ 50, ficou R$ 35. Eu venho na festa de Mãe das Dores de besta porque é mais caro", admite a alagoana.

Neste período, as ruas estão menos lotadas que em setembro, novembro e no fim de janeiro, já que, a partir do dia 29, até 2 de fevereiro, é realizada a Romaria de Nossa Senhora das Candeias, que reúne cerca de 250 mil visitantes. Os romeiros aproveitam essa tranquilidade para visitar melhor a Colina do Horto, as paróquias, o túmulo do Padre Cícero e as cidades vizinhas, como Barbalha, cujo roteiro inclui o Balneário do Caldas e os engenhos de cana-de-açúcar.

"Não é só a fé, tem os passeios", garante o motorista João Filipe dos Santos, que há 30 anos transporta romeiros para Juazeiro do Norte. "É uma tradição. Trabalha o ano todo para vir no fim ou começo do ano. Aqui está mais vago, mais tranquilo para andar. Nas festas, o sufoco é grande, é muita gente. Hoje, um rancho custa R$ 200, na época da festa é R$ 500, R$ 600. O povo, às vezes, vem e fica no carro, esperando vagar os ranchos e o preço ficar melhor", completa.

Comércio

O comércio também ganha com as romarias fora de época, que geram um complemento para a renda de ambulantes que lotam as proximidades da Igreja Matriz, da Capela do Socorro e da Colina do Horto. "Compensa, é uma ajuda boa, porque não para. Quando termina a romaria de fevereiro, tem o Carnaval e, quem não gosta, o pessoal mais velho, vem para cá. Depois, a Semana Santa. Sempre é movimentado", explica comerciante José Nilton dos Santos, enquanto preenche as linhas com as continhas do rosário que pretende vender.

Enquete

Por que começou a vir?

"Vim por intermédio de um pessoal que já vinha antes. Eles ficavam dizendo como era bom e eu, ouvindo tudo aquilo, acabei resolvendo vir também. Gostei tanto que, desde então, não parei mais"
José Olímpio Alves. Aposentado, de Timbaúba (PE)

"Vim pela fé e devoção ao Padre Cícero e à minha Mãe das Dores. Mas venho desde que era criança, ainda trazida por meus pais. Em todas as vezes, visito o Horto, Santo Sepulcro e as paróquias"
Jeci Fracelina da Silva. Aposentada, de União dos Palmares (AL)

Programação

Romaria de Nossa Senhora das Candeias
Missas
Local: Basílica Santuário
Horários: 6h, 9h, 16h e 19h
Local: Capela do Socorro
Horários: 7h, 10h, 15h30, 17h
Show dos Chapéus (todos os dias)
Local: Praça dos Romeiros
Horário: 20h30 


Fonte: Diário do Nordeste 
Reações:
Comentários
0 Comentários

0 comentários :

Postar um comentário

Cometários publicados no blog não significa que seja o pensamento do blog.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Hot Sonakshi Sinha , Car Price in India