SIGA NOSSO BLOG NO TWITTER

CONTATO: narotadasnoticias@hotmail.com

segunda-feira, 15 de julho de 2019

Média de tempo para recuperar veículo no Ceará é de 5 a 10 minutos

O Sistema Policial Indicativo de Abordagem (Spia) é responsável por conseguir aumentar o número de carros e motos localizados pelas autoridades e reduzir o tempo até que estes veículos sejam devolvidos.

"Moto preta furtada, com adesivo, se aproximando da Avenida Alberto Craveiro, 'QSL'?" A fala, com uso de código próprio das transmissões de radiocomunicação, é trecho de uma conversa real presenciada na Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Naquele momento, acontecia mais uma tentativa da Polícia em chegar rapidamente até uma dupla de criminosos que havia furtado um veículo na capital cearense.

Conforme o superintendente de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp), Aloísio Lira, o tempo médio até que um veículo com queixa de roubo ou furto seja recuperado no Ceará é de cinco a 10 minutos. O prazo é contabilizado a partir do momento que a vítima registra o crime via Ciops ou em alguma delegacia. Quanto mais rápido o registro for feito, mais chances de o bem ser retomado.

Desde maio de 2017, quando o Sistema Policial Indicativo de Abordagem (Spia) começou a ser utilizado no Ceará, a velocidade com a qual os veículos alvos de furtos ou roubos são recuperados mudou. O ritmo de buscas é frenético. Passam, diariamente, nas quase 3.300 câmeras integradas ao Spia, aproximadamente, quatro milhões de veículos em todo o Estado.

Apesar de ainda alto, de acordo com estatísticas da SSPDS, o quantitativo de buscas vem caindo porque os criminosos perceberam que a mobilidade deles ao cometer delitos tem sido comprometida devido à eficácia do Sistema. A Secretaria afirma que em pouco mais de dois anos de Spia, foram recuperados 25.143 veículos. O índice de carros e motos que são roubados ou furtados e em seguida localizados e devolvidos ao proprietário é de, aproximadamente, 90%.

Aloísio Lira explica que o Spia está presente em 43 dos 184 municípios do Estado. As 3.300 câmeras são de diversos órgãos, como Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC). Para o superintendente da Supesp, o sucesso do Sistema Policial está diretamente ligado à integração feita com os órgãos para haver o compartilhamento de imagens de cada um dos equipamentos. "Fizemos um estudo e vimos que geralmente o veículo roubado era utilizado para cometer outros delitos, então, quando a gente começou a fazer os cercos virtuais, passamos a recuperar os veículos antes que eles fossem utilizados para outros delitos", explicou Aluísio.

4 milhões de veículos monitorados
Diariamente, quase quatro milhões de veículos são acompanhados por câmeras que compõem o Spia, espalhadas em 43 municípios.

Fonte: Diário do Nordeste
Reações:
Comentários
0 Comentários

0 comentários :

Postar um comentário

Cometários publicados no site é de responsabilidade de quem comenta e não significa que seja o pensamento do site.
Material produzido pelo site é liberado para reprodução, desde que seja mantida a ética de citar a fonte.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Hot Sonakshi Sinha , Car Price in India