SIGA NOSSO BLOG NO TWITTER

CONTATO: narotadasnoticias@hotmail.com

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2020

85 mil fiéis se reúnem na ‘Procissão das Velas’, encerramento da Romaria das Candeias

A "Procissão das Velas", que marca o encerramento da Romaria das Candeias, em Juazeiro do Norte, reuniu cerca de 85 mil fiéis na Capela do Socorro, neste domingo (2). Romeiros de vários cantos do país seguiram pelas ruas do Centro em direção à Basílica de Nossa Senhora das Dores iluminando os caminhos por onde passavam com velas e lamparinas.

O cortejo foi acompanhado por milhares de moradores, que lotaram calçadas para contemplar o momento de fé e oração em homenagem a Nossa Senhora das Candeias. A festividade teve início na última quarta-feira (29), com atividades religiosas e culturais em vários pontos da cidade.

Participando pela terceira vez do festejo, a dona de casa Teresa Cristina de Oliveira dos Santos, natural de Alagoas, participou da romaria pagar uma promessa, por ter se recuperado de uma enfermidade. “Tive um AVC, ainda estou em recuperação, mas agora já consigo lavar roupa, varro casa, faço comida, faço tudo”, disse a mulher, que é mãe de nove filhos. 

Já o pernambucano Ramiro Francisco da Silva, de 82 anos, é um romeiro de longas datas e há 44 anos sai da cidade de Lajedo para participar da homenagem. A assiduidade se deve a uma graça alcançada depois de sofrer um acidente, que marcou a vida do aposentado. “Fiquei seis meses sem andar e com fé voltei a caminhar”, relata. 

Entre os romeiros, também têm aqueles que, além de acompanhar, ajudam durante a procissão. É o caso do decorador Vanderlei Barreto Santiago, que arruma e carrega o andor de Nossa Senhora das Candeias há oito anos. O motivo da dedicação, segundo ele, é a “devoção a Nossa Senhora das Candeias e também a Nossa Senhora das Dores”.

Iniciada por Padre Cícero Romão Batista, que celebra 150 anos de ordenação sacerdotal, a Romaria das Candeias é considerada a mais antiga e a maior procissão da região. 

Conforme o padre Cícero José, pároco reitor da paróquia de Nossa Senhora de Lourdes, o religioso celebrou a Apresentação do Senhor com uma procissão iluminada com candeeiros, artigo usado para iluminar e até hoje a tradição é seguida. “Padre Cícero Romão deixa para nós esse legado: apresentar Jesus como luz, que veio para iluminar todas as escuridões que nos afastam do reino de Deus”, define.


Fonte: Diário do Nordeste
Reações:
Comentários
0 Comentários

0 comentários :

Postar um comentário

Cometários publicados no site é de responsabilidade de quem comenta e não significa que seja o pensamento do site.
Material produzido pelo site é liberado para reprodução, desde que seja mantida a ética de citar a fonte.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Hot Sonakshi Sinha , Car Price in India